Usina de Biogás gerado através do lixo é inaugurada em Macaé

Será gerado, nesta primeira fase, 1 megawatt de energia limpa

Macaé, no Norte Fluminense, já conta com o funcionamento da primeira Usina de Biogás da região, sendo a terceira do gênero no Estado do Rio de Janeiro.

A unidade, inaugurada nessa terça-feira (28), funciona dentro do complexo industrial do Centro de Tratamento de Resíduos (CTR), localizado a 25 quilômetros da área central, às margens da BR-101.

No local é gerada energia elétrica através do reaproveitamento do biogás produzido pelo lixo do município.

Os 30 poços de biogás instalados no entorno do CTR vão gerar, nesta primeira fase, 1 megawatts de energia limpa – capazes de abastecer cerca de quatro mil residências.

“Projetos de sustentabilidade, como esse aqui da Usina, são importantíssimos. Em Macaé há um trabalho intenso atrás de novas tecnologias”, disse o prefeito de Macaé, Welberth Rezende.

O Secretário de Ambiente, Sustentabilidade e Proteção Animal de Macaé, José Vasconcelos de Luna Júnior, explicou que a inauguração aconteceu após a realização de testes.

“O projeto estava em fase experimental. Agora essa ferramenta está funcionando. Aqui se gera economia e o ambiente é cuidado de forma responsável”, afirmou.

ANÚNCIO

Transformação em energia

Já o diretor do CTR, Schulim Berger, detalhou o funcionamento da Usina de Biogás. “A nossa pequena central termoelétrica gera energia através do gás metano. Na atmosfera o metano causa o efeito estufa. Nós captamos esse metano e geramos energia. O lixo realmente se transforma em energia”, assegurou.

O engenheiro da CTR, Zilton Fonseca, falou especificamente sobre o processo de produção. “Nos aterros sanitários, por um processo de engenharia, fazemos poços para a captação do gás. Levamos para uma central. Aí o biogás é tratado e vai para um motor ligado a um gerador, que produz energia elétrica”, comentou.

ANÚNCIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

ANÚNCIOS