Núcleos do Ambiente Jovem são inaugurados no RJ


Objetivo é formar agentes de transformação ambiental e social em suas comunidades

O Governo do Estado do Rio de Janeiro, por meio da Secretaria de Estado do Ambiente e Sustentabilidade (Seas), inaugurou, na última semana, os primeiros núcleos do Ambiente Jovem, apontado como maior programa de educação ambiental do país.

Ao todo, doze núcleos começaram a operar nas cidades de Areal, Carapebus, Paty do Alferes, São Fidélis, Macaé, Quatis, Cardoso Moreira, Resende, Rio Bonito, Três Rios, São Pedro da Aldeia e Queimados.

A iniciativa, voltada para jovens de 16 a 24 anos, tem como objetivo formar agentes de transformação ambiental e social em suas comunidades.

ANÚNCIO

Ao todo, serão 120 núcleos em áreas de vulnerabilidade social em todo o território fluminense. Além da capacitação em diversos temas pertinentes, os participantes receberão uma bolsa mensal de 200 reais vinculada ao mínimo de 75% de presença nas atividades.

“É uma alegria imensa poder ver estes jovens reunidos por uma causa tão importante e dentro de uma iniciativa de impacto positivo. Estes futuros agentes ambientais têm uma grande missão pela frente, e a Seas está ativa e operante na orientação e apoio à causa” – afirma o secretário de Estado do Ambiente e Sustentabilidade, José Ricardo Brito.

A meta do programa é abranger cerca de 6 mil jovens de todo o Rio de Janeiro.

Mais informações podem ser encontradas no www.ambientejovem.com.br.

ANÚNCIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

ANÚNCIOS