Bom Jesus do Itabapoana inaugura primeiro Parque Natural Municipal

Unidade leva o nome de Sabiá-laranjeira, que homenageia uma ave da Mata Atlântica e o distrito de Rosal, no qual está localizado

O município de Bom Jesus do Itabapoana, na divisa do Rio de Janeiro e Espírito Santo inaugurou oficialmente o Parque Municipal Natural Sabiá Laranjeira de Rosal, a sua primeira unidade de conservação.

A unidade é resultado do Programa de Apoio às Unidades de Conservação Municipais (ProUC), dos órgãos ambientais estaduais, que atuaram desde a redelimitação do território até a aprovação do projeto.

A cerimônia de abertura, no último fim de semana, contou com uma trilha a fim de apresentar o território ao público, além de um passeio ciclístico da região central do município até a unidade de conservação. O parque é fruto de um processo de compensação ambiental e encontrou dificuldades técnicas para sua abertura definitiva.

O Sabiá Laranjeira de Rosal foi criado em 2002 como compensação ambiental da empresa Rosal Energia S/A, responsável pela UHE Rosal. O nome do Parque Natural Municipal Sabiá-laranjeira é resultado de votação popular, que homenageia uma ave da Mata Atlântica e o distrito de Rosal, no qual está localizado.

Com pouco mais de 93 hectares, fica na região de Volta Grande e Piedade, a 17 quilômetros de Rosal (3° Distrito) e a 52 quilômetros do centro de Bom Jesus. Em seu entorno existem produtores da Agricultura Familiar, que vivem principalmente da cafeicultura e da pecuária de leite. Encontram-se também na região agroindústrias que poderão ser visitadas pelos turistas.

Para o secretário de Estado do Ambiente e Sustentabilidade, José Ricardo Brito, a importância da abertura da unidade diz respeito à divulgação da atuação municipal na conservação dos patrimônios ambientais. “Esta unidade de conservação é a menina dos olhos do Norte Fluminense. O o parque conta com diversas trilhas e atrativos belíssimos, além de ser muito visitado pelos nossos vizinhos do Espírito Santo”, acrescentou.

ANÚNCIO

O parque atende à categoria de Unidade de Conservação e tem proteção integral. “Esta unidade tem vários objetivos, como proteção da biodiversidade, recreação, pesquisa, interpretação e educação ambiental. Além disso, é um espaço ideal para o turismo sustentável”, afirmou o secretário municipal de Meio Ambiente, Agricultura e Recursos Hídricos, Maurício Zanon.

De acordo com a Resolução Normativa nº 001/2021, do Conselho Gestor do Parque, a visitação será gerenciada pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

Os interessados devem preencher o Termo de Responsabilidade de Visitação, com cinco (5) dias de antecedência da data pretendida. (Link abaixo)

Para os interessados em executar Avaliações Técnicas e/ou Científicas, Levantamentos Técnicos e/ou Científicos e Pesquisas Científicas, nas áreas dentro dos limites do Parque, bem como no curso do rio Itabapoana que margeia o Parque, as normas e critérios podem ser consultadas na Resolução Normativa.

Além de representantes da Câmara Municipal, estiveram presentes autoridades dos governos estadual e municipal.

ECOBIKE – Na programação de inauguração do parque aconteceu também uma trilha ciclística ecológica – o Ecobike. Mais de 165 ciclistas saíram da praça central de Rosal, onde foi ofertado um café da manhã, até o Sabiá Laranjeira, percorrendo pelos menos 34 quilômetros.
Para quem aprecia caminhadas na natureza foi aberta a trilha da Cachoeira das Andorinhas. Os visitantes foram divididos em grupos e fizeram o percurso monitorados pelo pessoal da Defesa Civil com apoio da Guarda Municipal.

Árvores são identificadas na área

Desde o ano passado vem sendo executado na área um Projeto de Pesquisa Científica com o objetivo de conhecer a formação florestal do Parque Natural Municipal Sabiá-Laranjeira de Rosal.

O estudo é coordenado pela engenheira agrônoma da Prefeitura, Alessandra Machado, e conta com o apoio de profissionais do Instituto Federal Fluminense (IFF – Bom Jesus do Itabapoana), da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (Uenf), e da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). O estudo utiliza recursos do IFF e da Uenf.

Como parte do trabalho de identificação das espécies de arbóreas que compõem a floresta dessa Unidade de Conservação Ambiental, foram coletadas amostras de folhas, flores e frutos e registradas informações como altura, medida da circunferência do caule e extensão da copa das árvores.

No mês de dezembro de 2021, pesquisadores do Herbário da Uenf (HUENF) receberam o material coletado das árvores do Parque. Esse material será utilizado para identificação das espécies e fará parte da coleção botânica da Universidade.

O registro da flora do Parque Natural Municipal Sabiá-Laranjeira é visto como de grande importância, por contribuir para a preservação desse ecossistema, atendendo a objetivos do Plano Municipal de Conservação e Recuperação da Mata Atlântica.

Parque Natural Municipal Sabiá Laranjeira de Rosal

Endereço: Volta Grande e Piedade (a 17Km de Rosal)
Bairro: Rosal – 3° Distrito de Bom Jesus do Itabapoana/RJ
Telefone fixo: (22) 2238-3396
E-mail: smmaarh@gmail.com

Site: https://www.bomjesus.rj.gov.br

ANÚNCIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

ANÚNCIOS